sexta-feira, 2 de maio de 2008

TOKIO










Hoje me senti em Tokio.

Claro, eu não conheço Tokio, mas eu estava lá, na chuva cinza, na metrópole cinza, entre bingos e cines pornôs, pensando e agindo Tokio em São Paulo...

E demora tanto pra ser feliz em São Paulo, mas é possível.

E a cidade me encantou de novo, quando vi a névoa no céu, atravessando a rua quase deserta, os luminosos sobre os prédios no fim da avenida e a discussão que não decifra nada, não dá conta de nada, mas nos coloca no vórtice.

E agora eu estou com sono e quase em falência total.

E era uma Tokio de Neuromancer, com aquele céu de estática sobre a megalópole e o bairro dos inferninhos.

Cara, São Paulo é do caralho!

04/12/04.

Nenhum comentário: